Categories Ciencia

10 problemas Que Podem Fazer Mulher perder Desejo sexual

10 problemas Que Podem Fazer Mulher perder Desejo sexual no Casamento, Nem sempre a conhecida dor na cabeça é o motivo principal da falta de vontade da mulher de fazer sexo. Na verdade pode ser apenas uma forma de se livrar de um outro tipo de problema que as afasta do sexo. De 10 problemas Que Podem Fazer Mulher perder Desejo sexualacordo com a psicóloga, perita em sexualidade e em terapia de casais, Marina Simas de Lima, o libido da mulher é complexo e demanda sintonia total entre corpo e mente.

“O organismo feminino é influenciado a vida toda pelos hormônios sexuais, que oscilam de acordo com a fase da vida. No período reprodutivo feminino há fases em que a vontade estará mais vivo, principalmente no período de ovulação, que geralmente acontece com 14 dias antes da menstruação. Depois do parto, o desejo cai até que os hormônios voltem a normalidade. Na menopausa, a baixa do desejo sexual é inevitável, já que há diminuição acentuada na produção de estrogênio e testosterona, os principais hormônios relacionados à libido”, explica Marina.

Além da questão do hormônios, os fatores psicológicos também infretam no desejo sexual feminino. “A Organização Mundial da Saúde pontua que as mulheres sofrem mais com depressão e ansiedade, o que pode impactar no desejo e na resposta delas ao sexo”, explica a psicóloga e terapeuta de casais, Denise Miranda de Figueiredo,. Os tabus também interferem na vida sexual da mulher. “A experiência de relacionamentos anteriores podem também afetar a disposição das mulheres para atividades relacionadas ao sexo”, destaca.

10 problemas Que Podem Fazer Mulher perder Desejo sexual no Casamento. Confira:

1 – estresse  Cansaço

O cansaço junto com estresse são vilões do desejo sexual. O estresse afeta duas vezes mais mulheres que os homens. Mas, vale lembrar que fazer sexo pode ser uma ótima forma de mandar o mal para bem longe e dormir bem melhor, já que durante o ato é liberadas substâncias que induzem ao bem-estar e ao relaxamento.

2 – Depressão

A prevalência da depressão nas mulheres é duas vezes maior que nos homens. A enfermidade inibe o desejo sexual. Além disso, a maioria dos medicamentos indicados para tratar a doença prejudica o a libido e podemdo causar dificuldade para se chegar ao orgasmo.

3 -Anticoncepcionais

Algumas mulheres podem sentir perda da libido ou diminuição da mesma em decorrência do uso de anticoncepcionais, principalmente os compostos apenas por progesterona, indicados para quem não pode tomar comprimidos com estrogênio ou para mulheres que amamentam. Os anticoncepcionais injetáveis são ainda piores para a libido.

4 – Doenças crônicas

Diabetes, pressão alta, câncer e doenças auto-imunes afetam no desejo sexual feminino. Alguns remedios para tratar essas condições também afetam a libido.

5 – Depois do Parto

Como já foi citado no inicio corpo demora a se recuperar, mas a tendência é que depois de seis meses haja uma melhora da lubrificação e uma subida do a libido e desejo.

Depois do parto, a boa parte das mulheres irá apresentar uma queda acentuada no desejo sexual, relacionado às questões hormonais.

6 – Chegada da Menopausa

Quando a mulher chega na menopausa, há uma série de alterações na resposta sexual. Com abaixa dos níveis de estrogênio, há diminuição da lubrificação, o que pode causar dor na penetração.

Também há uma diminuição acentuada na produção de testosterona, hormônio diretamente ligado à libido.

7 – Disfunções sexuais

De acordo com a pesquisa Mosaico 2.0, 55% das brasileiras têm problemas de atingir o orgasmo, condição chamada de anorgasmia. Outra disfunção sexual que afeta o desejo é a dor na penetração (dispareunia), que atinge 59,7% das brasileiras segundo o estudo. Sendo assim, falta de orgasmo e dor são dois fatores que diminuem a disposição para fazer sexo.

8 – Distúrbios ginecológicos

Infecções, inflamação, dor pélvica crônica e endometriose podem afetar no desejo sexual.

9 – Enfermidade Sexualmente Transmissíveis (DST)

Algumas doenças que podem ser passadas pelo sexo acabam inibindo o desejo, tanto pelo medo de repassá-los ou se a mulher estiver em tratamento. Por outro lado, muitas mulheres tem medo de ser contaminadas por uma DST e acabam evitando manter relações sexuais.

10 – Problemas conjugais

Um casamento turbulento pode afetar o desejo sexual tanto de mulheres quanto dos  homens. Se a mulher não consegue gerenciar suas emoções relacionadas aos conflitos, isso impacta diretamente na cama. A mulher acaba usando o sexo como moeda de troca, o que não é bom para a saúde. o Sexo não deve ser usado para negociar um comportamento esperado do parceiro.

Conclusão:

uma observação: caso sua namorada ou esposa ou voce mesmo mulher tem problemas com orgasmo e não tem nenhum desse problemas acima, então seria o caso de procura um nova forma de resolver o problema. se gostou do artigo comente de sua opinião

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *